Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Antes santificai a Cristo, como Senhor, nos vossos corações; e estai sempre preparados para responder, com mansidão e temor, a qualquer que vos pedir a razão da esperança que há em vós. 1 Pedro 3:15

Ora, a serpente era mais astuta que todas as alimárias do campo que o SENHOR Deus tinha feito. E esta disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de toda a árvore do jardim?
E disse a mulher à serpente: Do fruto das árvores do jardim comeremos,
Mas do fruto da árvore que está no meio do jardim, disse Deus: Não comereis dele, nem nele tocareis para que não morrais.
Então a serpente disse à mulher: Certamente não morrereis.
Porque Deus sabe que no dia em que dele comerdes se abrirão os vossos olhos, e sereis como Deus, sabendo o bem e o mal.
E viu a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos, e árvore desejável para dar entendimento; tomou do seu fruto, e comeu, e deu também a seu marido, e ele comeu com ela.

Gênesis 3:1-6

 

serpente.jpg

Se comer do fruto que Deus proibiu de comer, é designado como o "pecado original", que precipitou a desgraça do restante da humanidade; então, podemos também dizer que a mentira que Satanás disse a Eva é o "engano original".

 

Satanás continuou desde então a tentar iludir as pessoas para que estas se desviem dos caminhos de Deus. Afinal, "Deus é chato", "Deus não respeita a nossa liberdade", e por aí fora...

 

Curiosamente, no "engano original", o Diabo soube apresentar-se convenientemente a Eva, tendo em conta o contexto. Se Satanás se tivesse apresentado com a sua glória original [trata-se do anjo mais poderoso criado por Deus], talvez Eva, mesmo na sua inocência de então, estranhasse, e até ficasse com dúvidas ou confusa. Assim, Satanás se apresentou na forma de uma serpente. Afinal, Adão e Eva estavam inseridos num jardim.

 

3anjos.jpg

 

No contexto religioso, ai sim, faz sentido que Satanás se apresente com a sua maior glória possível, para que este possa criar dúvidas e confusões, inclusive, dentro da Igreja. 

 

Mas temo que, assim como a serpente enganou Eva com a sua astúcia, assim também sejam de alguma sorte corrompidos os vossos sentidos, e se apartem da simplicidade que há em Cristo.
Porque, se alguém for pregar-vos outro Jesus que nós não temos pregado, ou se recebeis outro espírito que não recebestes, ou outro evangelho que não abraçastes, com razão o sofreríeis.

2 Coríntios 11:3-4

 

Porque tais falsos apóstolos são obreiros fraudulentos, transfigurando-se em apóstolos de Cristo.
E não é maravilha, porque o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz.
Não é muito, pois, que os seus ministros se transfigurem em ministros da justiça; o fim dos quais será conforme as suas obras.

2 Coríntios 11:13-15

 

Maravilho-me de que tão depressa passásseis daquele que vos chamou à graça de Cristo para outro evangelho;
O qual não é outro, mas há alguns que vos inquietam e querem transtornar o evangelho de Cristo.
Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema.
Assim, como já vo-lo dissemos, agora de novo também vo-lo digo. Se alguém vos anunciar outro evangelho além do que já recebestes, seja anátema.

Gálatas 1:6-9

 

Ora, como disse em artigos anteriores, quando existe um santo ou uma qualquer nossa senhora que passa por mediador entre Deus e os homens, então, está-se a cometer um erro grave. Afinal, foi Jesus Cristo quem pagou pelos nossos pecados e só pela fé nele existe salvação.

 

Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem.
O qual se deu a si mesmo em preço de redenção por todos, para servir de testemunho a seu tempo.

1 Timóteo 2:5-6

 

Assim, como a própria Palavra de Deus adverte, adorar ou depositar uma fé a algo ou alguém que não seja a pessoa de Cristo, é um pecado grave.

 

E é nisso que o Diabo actua desde aquele dia lá no Jardim do Éden: criar dúvidas e confusões entre Deus e a humanidade.

 

Um exemplo prático, é a questão da Nossa Senhora de Fátima. Se bíblicamente, Maria, é pouco protagonista; e se a mesma Bíblia diz que não à salvação fora da pessoa de Cristo, então, porque tenho que acreditar que foi mesmo Maria que se apresentou aos 3 pastorinhos da Cova da Iria? Afinal, com todo um mundo espiritual à nossa volta, até pode ter sido um demónio! No mínimo, eu, como cristão e conhecedor da palavra, devo ignorar e não dar importância a esse género de fenómenos, porque, lá está, na prática, todos acabam por ser mediadores entre Deus e os homens, e Cristo fica lá num "cantinho". E é isso que o Diabo quer - porque ele é isso mesmo: oposição a tudo o que Deus diz ou faz.

 

Sabia que qualquer um de nós pode ser um santo?

Um falso evangelho - os mitos católicos em torno da figura de Maria

 

Mais-antigos-deuses-romanos.-Afresco-de-Villa-Farn

Mas, e ao longo da história, de que forma é que o Diabo se disfarçou para influenciar o mundo contra a palavra de Deus? Foi nos impérios.

 

Nos impérios, Satanás impôs o culto a deuses imaginários. E o que diz a palavra de Deus - nomeadamente nos 10 mandamentos?

 

Não terás outros deuses diante de mim.
Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra.
Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o Senhor teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniqüidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.

Êxodo 20:3-5

 

Quando nos diversos impérios que houve ao longo da história, o povo se ajoelhava para adorar uma estátua, na verdade, aquela estátua representava Satanás. Mais uma vez, ele mascarou-se para na prática, contradizer a palavra de Deus.

 

coliseu-roma-italia.jpg

 

Quando se iniciou o cristianismo, o Império Romano sentiu a necessidade de combater a verdade, perseguindo e matando os cristãos. E é assim que a verdade será tratada neste mundo.

 

Nada que o próprio Senhor Jesus Cristo não nos advirta no evangelho de João, quando este disse aos seus apóstolos que eles próprios seriam martirizados por pregarem a verdade neste mundo.

 

Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós, me odiou a mim.
Se vós fôsseis do mundo, o mundo amaria o que era seu, mas porque não sois do mundo, antes eu vos escolhi do mundo, por isso é que o mundo vos odeia.
Lembrai-vos da palavra que vos disse: Não é o servo maior do que o seu senhor. Se a mim me perseguiram, também vos perseguirão a vós; se guardaram a minha palavra, também guardarão a vossa.

João 15:18-20

 

O coliseu de Roma foi construído precisamente para "brincarem" com os cristãos, lançando-os aos leões ou crucificando-os. Esse era o entretenimento dos romanos.

 

No entanto, o cristão genuíno nunca volta atrás, porque sabe que tem um galardão nos ceús e que o mal será definitivamente irradiado no dia do juízo.

 

Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.

João 16:33

 

Sabemos que somos de Deus, e que todo o mundo está no maligno.
E sabemos que já o Filho de Deus é vindo, e nos deu entendimento para que conheçamos ao Verdadeiro; e no que é verdadeiro estamos, isto é, em seu Filho Jesus Cristo. Este é o verdadeiro Deus e a vida eterna.
Filhinhos, guardai-vos dos ídolos. Amém.

1 João 5:19-21

 

Nota: Este artigo pode ser complementado com o seguinte artigo - A origem da mentira e do mal

Autoria e outros dados (tags, etc)

E disseram-lhe: Onde está Sara, tua mulher? E ele disse: Ei-la aí na tenda.
E disse: Certamente tornarei a ti por este tempo da vida; e eis que Sara tua mulher terá um filho. E Sara escutava à porta da tenda, que estava atrás dele.
E eram Abraão e Sara já velhos, e adiantados em idade; já a Sara havia cessado o costume das mulheres.
Assim, pois, riu-se Sara consigo, dizendo: Terei ainda deleite depois de haver envelhecido, sendo também o meu senhor já velho?
E disse o Senhor a Abraão: Por que se riu Sara, dizendo: Na verdade darei eu à luz ainda, havendo já envelhecido?
Haveria coisa alguma difícil ao Senhor? Ao tempo determinado tornarei a ti por este tempo da vida, e Sara terá um filho.
E Sara negou, dizendo: Não me ri; porquanto temeu. E ele disse: Não digas isso, porque te riste.

Gênesis 18:9-15

não-há-impossiveis-para-Deus.jpg

 

O incrédulo tenta ridicularizar a Bíblia muito pelos milagres que lá são descritos. Mas, no fundo, o que é um milagre? Um milagre é tudo aquilo que acontece e que não tem uma explicação racional na mente humana.

 

O ar que respiramos é um milagre. O sol que nos ilumina e aquece é um milagre. A água que bebemos é outro milagre. Tudo à nossa volta é um milagre, na medida em que o homem fora da Bíblia nunca encontrou uma explicação racional para o surgimento de todas as coisas, e o porquê de todas essas coisas funcionarem como uma máquina muito bem montada.

 

A Bíblia diz que "no princípio era Deus" e que do nada ele fez todas as coisas. O tempo, o espaço, o universo e a matéria que o compõe não são eternos. Deus, numa dimensão fora desse contexto (na eternidade onde só havia Deus), trouxe à existência todas estas coisas que estão à nossa volta.

 

Como ele fez isso? Não sabemos. Para percebermos todo este milagre da criação tínhamos que ser como Deus. Mas, como não o somos, só temos que aceitar esta realidade. Aliás, nós nem podemos perceber como Deus nunca teve um "princípio". Lá está, tínhamos que ser como Deus para também perceber a questão da sua eternidade. Pensar em tudo isto dá voltas à cabeça, não é?...

 

Ó profundidade das riquezas, tanto da sabedoria, como da ciência de Deus! Quão insondáveis são os seus juízos, e quão inescrutáveis os seus caminhos!
Por que quem compreendeu a mente do Senhor? ou quem foi seu conselheiro?
Ou quem lhe deu primeiro a ele, para que lhe seja recompensado?
Porque dele e por ele, e para ele, são todas as coisas; glória, pois, a ele eternamente. Amém.

Romanos 11:33-36

 

Mas, podemos aceitar que é assim, e que como seres limitados ao tempo e ao espaço, nunca poderemos compreender Deus e o porquê da sua infinita capacidade.

 

O incrédulo ri-se da multiplicação dos pães. Ri-se da transformação da água em vinho. Ri-se de uma serpente falante. Ri-se de um homem que esteve durante três dias no fundo do mar na barriga de uma baleia. Ri-se do dilúvio. Enfim, ri-se de muitas coisas que são descritas na Bíblia.

 

Um dos factores fundamentais à salvação é acreditar que Jesus Cristo é Deus. Não foi do acaso que o apóstolo João nos dois últimos versículos do seu evangelho realça a infinita capacidade de Jesus em fazer milagres.

 

Este é o discípulo que testifica destas coisas e as escreveu; e sabemos que o seu testemunho é verdadeiro.
Há, porém, ainda muitas outras coisas que Jesus fez; e se cada uma das quais fosse escrita, cuido que nem ainda o mundo todo poderia conter os livros que se escrevessem. Amém.

João 21:24-25

 

Para um Deus que do nada criou todas as coisas, qual é para ele o problema de fazer milagres dentro da sua própria criação?... Não tem problema nenhum!...

 

Sara não percebeu isso e riu-se.

 

E você? Vai ao menos parar para reflectir? É que para Deus não há mesmo impossíveis...

 

Ajuntando-se entretanto muitos milhares de pessoas, de sorte que se atropelavam uns aos outros, começou a dizer aos seus discípulos: Acautelai-vos primeiramente do fermento dos fariseus, que é a hipocrisia.
Mas nada há encoberto que não haja de ser descoberto; nem oculto, que não haja de ser sabido.
Porquanto tudo o que em trevas dissestes, à luz será ouvido; e o que falastes ao ouvido no gabinete, sobre os telhados será apregoado.
E digo-vos, amigos meus: Não temais os que matam o corpo e, depois, não têm mais que fazer.
Mas eu vos mostrarei a quem deveis temer; temei aquele que, depois de matar, tem poder para lançar no inferno; sim, vos digo, a esse temei.
Não se vendem cinco passarinhos por dois ceitis? E nenhum deles está esquecido diante de Deus.
E até os cabelos da vossa cabeça estão todos contados. Não temais pois; mais valeis vós do que muitos passarinhos.

Lucas 12:1-7

 

“Antes de nascerem os montes e de criares a terra e o mundo, de eternidade a eternidade tu és Deus”. (Salmos 90:2)

“Será que você não sabe? Nunca ouviu falar? O Senhor é o Deus eterno, o criador de toda a terra. Ele não se cansa nem fica exausto; sua sabedoria é insondável”. (Isaías 40:28)

“Assim diz o Senhor, o rei de Israel, o seu redentor, o Senhor dos Exércitos: Eu sou o primeiro e eu sou o último; além de mim não há Deus”. (Isaías 44:6)

“Mas o Senhor é o Deus verdadeiro; ele é o Deus vivo; o rei eterno”. (Jeremias 10:10)

“Respondeu Jesus:”Eu lhes afirmo que antes de Abraão nascer, Eu Sou”! (João 8:58)

“Jesus Cristo é o mesmo, ontem, hoje e para sempre”. (Hebreus 13:8)

“Eu sou o Alfa e o Ômega”, diz o Senhor Deus, “o que é, o que era e o que há de vir, o Todo-poderoso”. (Apocalipse 1:8)

“Eu sou o Alfa e o Ômega, o Primeiro e o Último, o Princípio e o Fim”. (Apocalipse 22:13)

 

“Ninguém jamais viu a Deus, mas o Deus* Unigênito, que está junto do Pai, o tornou conhecido”. (João 1:18)

“Deus é espírito…” (João 4:24)

“Ao Rei eterno, ao Deus único, imortal e invisível, sejam honra e glória para todo o sempre. Amém”. (1Timóteo 1:17)

“…o bendito e único Soberano, o Rei dos reis e Senhor dos senhores, o único que é imortal e habita em luz inacessível, a quem ninguém viu nem pode ver. A ele sejam honra e poder para sempre. Amém”. (1Timóteo 6:15-16)

 

“Para onde poderia eu escapar do teu Espírito? Para onde poderia fugir da tua presença?” (Salmos 139:7)

“O Deus que fez o mundo e tudo o que nele há é o Senhor do céu e da terra, e não habita em santuários feitos por mãos humanas. Ele não é servido por mãos de homens, como se necessitasse de algo, porque ele mesmo dá a todos a vida, o fôlego e as demais coisas. De um só fez ele todos os povos, para que povoassem toda a terra, tendo determinado os tempos anteriormente estabelecidos e os lugares exatos em que deveriam habitar. Deus fez isso para que os homens o buscassem e talvez, tateando, pudessem encontrá-lo, embora não esteja longe de cada um de nós. ‘Pois nele vivemos, nos movemos e existimos’, como disseram alguns dos poetas de vocês: ‘Também somos descendência dele'”. (Atos 17:24-28)

 

“Existe alguma coisa impossível para o Senhor?” (Gênesis 18:14)

“O nosso Deus está nos céus, e pode fazer tudo o que lhe agrada”. (Salmos 115:3)

“Desde o início faço conhecido o fim, desde tempos remotos, o que ainda virá. Digo: Meu propósito permanecerá em pé, e farei tudo o que me agrada”. (Isaías 46:10)

“Jesus olhou para eles e respondeu: ‘Para o homem isso é impossível, mas para Deus todas as coisas são possíveis”.(Mateus 19:26)

“Pois nada é impossível para Deus”. (Lucas 1:27)

 

“No princípio era a Palavra, e a Palavra estava com Deus, e a Palavra era Deus”.
A Palavra tornou-se carne e viveu entre nós. Vimos a sua glória, a glória como do Unigênito vindo do Pai, cheio de graça e de verdade”. 
(João 1:1,1:4)

“O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e as nossas mãos apalparam — isto proclamamos a respeito da Palavra da vida. A vida se manifestou; nós a vimos e dela testemunhamos, e proclamamos a vocês a vida eterna, que estava com o Pai e nos foi manifestada”. (1João 1:1-2)

“Ele é a imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação, pois nele foram criadas todas as coisas nos céus e na terra, as visíveis e as invisíveis, sejam tronos ou soberanias, poderes ou autoridades; todas as coisas foram criadas por ele e para ele”. (1Colossenses 1:15-16)

“O Filho é o resplendor da glória de Deus e a expressão exata do seu ser, sustentando todas as coisas por sua palavra poderosa. Depois de ter realizado a purificação dos pecados, ele se assentou à direita da Majestade nas alturas…” (Hebreus 1:3)

“Seja a atitude de vocês a mesma de Cristo Jesus…” (Filipenses 2:5)

 

“…o Pai é maior do que eu”. (João 14:28)

“Eu e o Pai somos um”. (João 10:30)

“…Quem me vê, vê ao Pai…” (João 14:9)

Autoria e outros dados (tags, etc)

E conheceu Adão a Eva, sua mulher, e ela concebeu e deu à luz a Caim, e disse: Alcancei do SENHOR um homem.
E deu à luz mais a seu irmão Abel; e Abel foi pastor de ovelhas, e Caim foi lavrador da terra.
E aconteceu ao cabo de dias que Caim trouxe do fruto da terra uma oferta ao Senhor.
E Abel também trouxe dos primogênitos das suas ovelhas, e da sua gordura; e atentou o Senhor para Abel e para a sua oferta.
Mas para Caim e para a sua oferta não atentou. E irou-se Caim fortemente, e descaiu-lhe o semblante.
E o Senhor disse a Caim: Por que te iraste? E por que descaiu o teu semblante?
Se bem fizeres, não é certo que serás aceito? E se não fizeres bem, o pecado jaz à porta, e sobre ti será o seu desejo, mas sobre ele deves dominar.
E falou Caim com o seu irmão Abel; e sucedeu que, estando eles no campo, se levantou Caim contra o seu irmão Abel, e o matou.

Gênesis 4:1-8

 

transferir.jpg

 

Abel sacrificou uma das suas ovelhas e deu-lha de oferta a Deus, como símbolo do cordeiro de Deus (que é Cristo) que haveria de vir para pagar por todos os nossos pecados.

 

No dia seguinte João viu a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo.

João 1:29

 

Já a oferta de Caim, que era fruto do seu trabalho, Deus já não atentou. Um acto religioso, cheio de presunção própria, achando Caim que assim poderia agradar a Deus.

 

A religião é isso mesmo. É achar que é pelo nosso próprio mérito que poderemos chegar a Deus. Como se Deus precisasse de algo, quando tudo é dele e foi feito por ele. De que precisa Deus?

 

Deus avalia fundamentalmente o que vai no coração do homem. Abel foi humilde para simbolicamente retratar o cordeiro que haveria de vir para pagar pelos seus próprios pecados.

 

Já no coração de Caim havia uma enorme presunção em querer agradar a Deus pelo fruto do seu trabalho. 

 

Porque esta é a mensagem que ouvistes desde o princípio: que nos amemos uns aos outros.
Não como Caim, que era do maligno, e matou a seu irmão. E por que causa o matou? Porque as suas obras eram más e as de seu irmão justas.

1 João 3:11-12

 

Religiosidade não são propriamente as elites do Vaticano ou do Judaísmo. A religiosidade pode estar em cada um de nós. Está na atitude.

 

Vejamos o que disse Jesus aos escribas e fariseus no capítulo 23 do evangelho de Mateus.

 

Portanto, eis que eu vos envio profetas, sábios e escribas; a uns deles matareis e crucificareis; e a outros deles açoitareis nas vossas sinagogas e os perseguireis de cidade em cidade;
Para que sobre vós caia todo o sangue justo, que foi derramado sobre a terra, desde o sangue de Abel, o justo, até ao sangue de Zacarias, filho de Baraquias, que matastes entre o santuário e o altar.

Mateus 23:34-35

 

Mas para percebermos o contexto, vamos ler todo o capítulo.

 

Então falou Jesus à multidão, e aos seus discípulos,
Dizendo: Na cadeira de Moisés estão assentados os escribas e fariseus.
Todas as coisas, pois, que vos disserem que observeis, observai-as e fazei-as; mas não procedais em conformidade com as suas obras, porque dizem e não fazem;
Pois atam fardos pesados e difíceis de suportar, e os põem aos ombros dos homens; eles, porém, nem com seu dedo querem movê-los;
E fazem todas as obras a fim de serem vistos pelos homens; pois trazem largos filactérios, e alargam as franjas das suas vestes,
E amam os primeiros lugares nas ceias e as primeiras cadeiras nas sinagogas,
E as saudações nas praças, e o serem chamados pelos homens; Rabi, Rabi.
Vós, porém, não queirais ser chamados Rabi, porque um só é o vosso Mestre, a saber, o Cristo, e todos vós sois irmãos.
E a ninguém na terra chameis vosso pai, porque um só é o vosso Pai, o qual está nos céus.
Nem vos chameis mestres, porque um só é o vosso Mestre, que é o Cristo.
O maior dentre vós será vosso servo.
E o que a si mesmo se exaltar será humilhado; e o que a si mesmo se humilhar será exaltado.
Mas ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que fechais aos homens o reino dos céus; e nem vós entrais nem deixais entrar aos que estão entrando.
Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que devorais as casas das viúvas, sob pretexto de prolongadas orações; por isso sofrereis mais rigoroso juízo.
Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que percorreis o mar e a terra para fazer um prosélito; e, depois de o terdes feito, o fazeis filho do inferno duas vezes mais do que vós.
Ai de vós, condutores cegos! pois que dizeis: Qualquer que jurar pelo templo, isso nada é; mas o que jurar pelo ouro do templo, esse é devedor.
Insensatos e cegos! Pois qual é maior: o ouro, ou o templo, que santifica o ouro?
E aquele que jurar pelo altar isso nada é; mas aquele que jurar pela oferta que está sobre o altar, esse é devedor.
Insensatos e cegos! Pois qual é maior: a oferta, ou o altar, que santifica a oferta?
Portanto, o que jurar pelo altar, jura por ele e por tudo o que sobre ele está;
E, o que jurar pelo templo, jura por ele e por aquele que nele habita;
E, o que jurar pelo céu, jura pelo trono de Deus e por aquele que está assentado nele.
Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que dizimais a hortelã, o endro e o cominho, e desprezais o mais importante da lei, o juízo, a misericórdia e a fé; deveis, porém, fazer estas coisas, e não omitir aquelas.
Condutores cegos! que coais um mosquito e engulis um camelo.
Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que limpais o exterior do copo e do prato, mas o interior está cheio de rapina e de intemperança.
Fariseu cego! limpa primeiro o interior do copo e do prato, para que também o exterior fique limpo.
Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que sois semelhantes aos sepulcros caiados, que por fora realmente parecem formosos, mas interiormente estão cheios de ossos de mortos e de toda a imundícia.
Assim também vós exteriormente pareceis justos aos homens, mas interiormente estais cheios de hipocrisia e de iniqüidade.
Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que edificais os sepulcros dos profetas e adornais os monumentos dos justos,
E dizeis: Se existíssemos no tempo de nossos pais, nunca nos associaríamos com eles para derramar o sangue dos profetas.
Assim, vós mesmos testificais que sois filhos dos que mataram os profetas.
Enchei vós, pois, a medida de vossos pais.
Serpentes, raça de víboras! como escapareis da condenação do inferno?
Portanto, eis que eu vos envio profetas, sábios e escribas; a uns deles matareis e crucificareis; e a outros deles açoitareis nas vossas sinagogas e os perseguireis de cidade em cidade;
Para que sobre vós caia todo o sangue justo, que foi derramado sobre a terra, desde o sangue de Abel, o justo, até ao sangue de Zacarias, filho de Baraquias, que matastes entre o santuário e o altar.
Em verdade vos digo que todas estas coisas hão de vir sobre esta geração.
Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas, e apedrejas os que te são enviados! quantas vezes quis eu ajuntar os teus filhos, como a galinha ajunta os seus pintos debaixo das asas, e tu não quiseste!
Eis que a vossa casa vai ficar-vos deserta;
Porque eu vos digo que desde agora me não vereis mais, até que digais: Bendito o que vem em nome do Senhor.

Mateus 23:1-39

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

  • Do lado aberto de Adão Deus extraiu a costela da qual formou sua esposa. Do lado aberto de Jesus saíram o sangue e a água que expiaram o pecado e purificaram uma esposa (a Igreja) para si.
  • Um animal foi sacrificado no Éden para cobrir com sua pele a nudez de Adão e Eva. Jesus foi sacrificado na cruz para cobrir o pecado do homem.
  • Enquanto Caim tentava agradar a Deus com o fruto de seu trabalho, Abel sacrificou um animal inocente e conquistou o agrado de Deus. Jesus, o Cordeiro de Deus, foi o único sacrifício que poderia agradar a Deus.
  • Enquanto Deus destruía o mundo com um dilúvio, uma arca preservava Noé e sua família da morte. A arca é uma figura de Cristo, que nos livra da ira futura.
  • Abraão subiu o monte acompanhado de seu filho Isaque, o qual levava nas costas a lenha do holocausto de si mesmo. Jesus foi ao monte calvário carregando sua cruz de madeira sobre a qual seria oferecido em sacrifício a Deus.
  • José, o filho preferido de seu pai Jacó, foi vendido por seus irmãos, dado como morto, e ressurgiu no Egito para salvar seu povo. O Filho de Deus, Jesus, foi traído por seus irmãos judeus, morreu e ressuscitou para estabelecer seu Reino futuro.
  • Jonas, para salvar os marinheiros da morte, assumiu sua culpa e deixou-se lançar ao mar, ficando três dias e três noites preso no ventre do grande peixe. Jesus, ao assumir a culpa por nossos pecados, foi lançado na morte e seu corpo ficou três dias e três noites no seio da terra antes de ressuscitar. 
  • Moisés foi lançado nas águas da morte quando bebê para ressurgir mais tarde como libertador de seu povo. Jesus morreu por nossos pecados e ressuscitou para nossa justificação.
  • O cordeiro que foi morto e cujo sangue foi passado nas obreiras das portas dos israelitas no Egito para livrá-los do castigo divino é figura do Cordeiro de Deus, cujo sangue garante a libertação de nossos pecados.
  • O pequeno e indefeso Davi venceu o gigante Golias e libertou Israel dos filisteus. O fraco e abatido Jesus com sua morte venceu Satanás e libertou todos os que estavam presos pelo diabo.

Fontehttp://pintorcelestial.blogspot.pt/2008/06/o-sol-brilha-ou-nao.html

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.